BNDES terá atuação limitada em debêntures de infraestrutura

quarta-feira, 17 de junho de 2015 13:28 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O mercado não deve contar com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para liderar a compra de debêntures de infraestrutura que devem ser lançadas dentro do pacote de logística recentemente anunciado pelo governo federal.

"O BNDESPar (braço de participações do banco de fomento) não vai garantir a compra da maior parte das debêntures de infraestrutura", disse nesta quarta-feira o chefe da área de transporte e logística do BNDES, Cleverson Aroeira.

Segundo Aroeira, a tendência é que a instituição participe com, no máximo, 20 a 30 por cento.

Recentemente, o BNDES anunciou uma nova política de concessão de recursos, que limita o acesso a linhas subsidiadas ao compromisso de que o tomador emita debêntures.

O critério vale também para as concessões de logística.

(Por Aluísio Alves)

 
Vista da ciclovia, linha férrea e a Marginal Pinheiros, em São Paulo. 22/09/2011 REUTERS/Paulo Whitaker