CPI do Carf vai ouvir empresários e ex-conselheiros do órgão

terça-feira, 23 de junho de 2015 14:19 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que apura denúncias de manipulação de julgamentos no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) aprovou nesta terça-feira ouvir depoimentos de empresários e ex-conselheiros do órgão.

A CPI vai convocar os presidentes da Ford e da Mitsubishi no Brasil, Marcos Madureira, hoje vice-presidente de Comunicação do Santander Brasil, e o presidente-executivo do Grupo RBS, Eduardo Sirotsky.

O presidente da Confederação Nacional do Comércio, Antônio José Domingues de Oliveira Santos, e o presidente da Associação

Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Luiz Moan, também foram convocados, além de ex-conselheiros do Carf.

Em 26 de março, a Receita, a Polícia Federal, o Ministério Público e a Corregedoria-Geral da Fazenda deflagraram operação contra organização suspeita de manipular julgamentos no Carf.

A PF informou que 70 empresas estão sendo investigadas na Operação Zelotes, além de integrantes do Carf, consultores tributários e advogados suspeitos de atuar como intermediários.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)