Wall Street fecha em queda por preocupações com a dívida grega

quarta-feira, 24 de junho de 2015 17:54 BRT
 

Por Ryan Vlastelica

NOVA YORK (Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos fecharam em queda nesta quarta-feira, com resultado das negociações entre a Grécia e seus credores internacionais permanecendo incertos, levando investidores a evitar ativos mais arriscados como ações.

O índice Dow Jones caiu 0,98 por cento, a 17.966 pontos, enquanto o S&P 500 teve perda de 0,74 por cento, a 2.108 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq caiu 0,73 por cento, a 5.122 pontos.

Os movimentos em Wall Street têm sido direcionados pela situação na Grécia, que precisa de novos financiamentos para evitar um calote em sua dívida com o Fundo Monetário Internacional (FMI) no próximo dia 30.

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, recentemente anunciou propostas tributárias e de reformas, que foram recebidas por agentes do mercado como um sinal de progresso. No entanto, credores demandaram grandes mudanças às propostas na quarta-feira, dando novas incertezas às conversas que visam destravar um resgate e evitar um calote da dívida de Atenas na próxima semana.

Nos Estados Unidos, o Departamento de Comércio informou que o Produto Interno Bruto (PIB) encolheu 0,2 por cento no primeiro trimestre, ante queda de 0,7 por cento estimada anteriormente.

Investidores têm permanecido atentos aos dados econômicos dos EUA para ver se o país tem se recuperado de um início de ano fraco. O Federal Reserve, banco central norte-americano, disse que permanece dependente de dados e espera elevar os juros quando vir uma retomada sustentável da economia.