Portuguesa Semapa conclui compra da brasileira Supremo Cimentos

quinta-feira, 25 de junho de 2015 07:43 BRT
 

LISBOA (Reuters) - O grupo industrial português Semapa, através da sua cimenteira Secil, concluiu a compra de 50 por cento da brasileira Supremo Cimentos por 290 milhões de reais.

"A aquisição foi (...) concretizada nesta data", afirmou a Semapa, em comunicado divulgado na quarta-feira.

Com esta aquisição, a Semapa e a Secil passam a deter indiretamente a totalidade do capital social da Supremo.

A Supremo é uma cimenteira no sul do Brasil, no Estado de Santa Catarina, que opera uma fábrica integrada de clínquer e cimento em Pomerode.

Também tem operações de agregados de betão e concluiu a construção de uma nova fábrica integrada de clínquer e cimento, em Adrianópolis, no Estado do Paraná.

A totalidade da capacidade de cimento instalada da Supremo é de dois milhões de toneladas.

A Semapa é também a maior acionista da produtora de pasta de papel Portucel.

(Por Daniel Alvarenga)