Wilmar agenda navios para carregar compra recorde de açúcar na bolsa

quinta-feira, 25 de junho de 2015 09:29 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - A Wilmar International disse que agendou o carregamento de quase todo o volume de 1,9 milhão de toneladas de açúcar que adquiriu até dois meses atrás no maior negócio em bolsa já realizado, mesmo com comerciantes preocupados com a fraca demanda global e baixos preços.

A empresa de Cingapura, uma das maiores tradings de açúcar do mundo, reservou espaço em navios para carregar todo o volume, exceto 100 mil toneladas, de açúcar que comprou quando o contrato maio do açúcar bruto na bolsa ICE venceu, em um negócio de 550 milhões de dólares.

A Wilmar pretende organizar com os vendedores o carregamento do volume restante esta semana, disse a empresa em um comunicado por e-mail.

Depois de meses de incerteza sobre o ritmo de carregamentos originados no Brasil e na América Central e do Sul, a notícia pode ajudar a restaurar a calma no mercado do açúcar bruto. Os preços oscilam perto das mínimas de 6 anos e meio, em meio ao quinto ano consecutivo de excedente no mercado.

Na quarta-feira, o desconto do contrato julho ante o outubro na bolsa de Nova York subiu para 0,54 centavo de dólar por libra-peso, o mais amplo desde o início de abril, com operadores correndo para liquidar posições.

As tensões são grandes com relação ao vencimento do contrato julho na próxima semana. O tamanho da compra da Wilmar, que impactou preços e diferenciais, "assustou todo mundo do mercado", disse um operador norte-americano.

(Por Chris Prentice)