Tsipras diz a Hollande e Merkel que Grécia irá sobreviver 

sábado, 27 de junho de 2015 15:47 BRT
 

ATENAS (Reuters) - O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, disse à chanceler alemã, Angela Merkel, e ao presidente francês, François Hollande, neste sábado que os gregos "irão sobreviver", independente da decisão dos ministros de Finanças da zona do euro de estender ou não o atual programa de resgate. 

"Alexis Tsipras enfatizou que, seja qual for a decisão tomada pelo Eurogrupo, o povo grego terá oxigênio na próxima semana e irá sobreviver", afirmou uma autoridade do governo grego.

Os ministros de Finanças da zona do euro rejeitaram neste sábado os pedidos da Grécia de uma breve extensão do programa de financiamento que permitiria ao país cumprir o prazo de 30 de junho para pagar cerca de 1,6 bilhão de euros ao FMI.

Também neste sábado, Tsipras convocou um referendo para 5 de julho para que os gregos decidam se o país aceita ou não as propostas dos credores. 

"Ele (Tsipras) reforçou que a democracia é um valor fundamental na Grécia", completou a autoridade.

(Por Michele Kambas)