BOC Aviation da China encomenda 22 jatos 737 da Boeing

terça-feira, 24 de novembro de 2015 09:34 BRST
 

Por Siva Govindasamy

CINGAPURA (Reuters) - A BOC Aviation, braço de leasing de aviões do Bank of China, disse nesta terça-feira que assinou um acordo avaliado em 2,27 bilhões de dólares para a compra de 22 jatos 737 da Boeing.

O acordo é dividido igualmente entre aeronaves 737-800 e 737 Max 8, a serem entregues em três anos a partir de 2018, disse a BOC. O 737 Max é a versão atualizada do 737, oferecendo maior eficiência de combustível e menores custos operacionais.

Em comunicado, a Boeing disse que vai adicionar as aeronaves ao seu balanço de encomendas quando o acordo for fechado.

Este acordo é um acréscimo ao pedido de agosto de 2014 da BOC Aviation de 82 jatos da Boeing avaliados em 8,8 bilhões de dólares, composto por 50 aeronaves de modelo 737 Max, 30 de modelo 737-800 e dois jatos de fuselagem larga 777-300ER.

A companhia sediada em Cingapura também encomendou 43 aeronaves da Airbus da família A320 em julho do ano passado, incluindo sete aviões A320neo.

A BOC disse que tinha compromissos de aquisição de 203 aeronaves até 30 de setembro. Seu portfólio é composto por 253 aviões, os quais a companhia administra e é proprietária, operados por 59 companhias aéreas globalmente.

EN AAP