Wall St sobe com suporte do setor de energia em meio a tensão global

terça-feira, 24 de novembro de 2015 20:30 BRST
 

Por Sinead Carew

(Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos fecharam em alta nesta terça-feira impulsionados pelo avanço das ações de energia, que acompanharam o desempenho dos preços do petróleo, após a Turquia derrubar um avião de guerra russo perto da fronteira com a Síria.

O índice Dow Jones subiu 0,11 por cento, a 17.812 pontos, o S&P 500 teve valorização de 0,12 por cento, para 2.089 pontos, enquanto o Nasdaq avançou 0,01 por cento, a 5.102 pontos.

Os três índices se recuperaram de um movimento de venda na manhã provocado por notícias externas, apesar de alguns dados fortes sobre a economia norte-americana.

Os preços do petróleo subiram mais de 2 por cento, depois da escalada nas tensões no Oriente Médio.

"De manhã, todo mundo estava falando sobre essa escalada potencial de violência entre a Turquia e a Rússia", disse o copresidente da Stuart Frankel & Co, Andrew Frankel, em Nova York, acrescentando que os investidores se acalmaram depois que notaram que a resposta da Rússia não seria tão conflituosa como temiam inicialmente.

O volume relativamente baixo de negócios pareceu exagerar as oscilações do mercado, de acordo com Frankel, já que muitos participantes estavam fora por causa do feriado de Ação de Graças. As bolsas estarão fechadas na quinta-feira e encerrarão o pregão mais cedo na sexta-feira.

A economia dos EUA cresceu 2,1 por cento no terceiro trimestre, em comparação a uma estimativa anterior de 1,5 por cento, segundo dados divulgados nesta terça-feira, porém o sentimento do consumidor em novembro foi o mais fraco desde setembro de 2014, antes da importante temporada de compras natalinas.

(Reportagem adicional de Abhiram Nandakumar, em Bengaluru)