Braskem diz que atividades em fábrica atingida incêndio são retomadas

quarta-feira, 25 de novembro de 2015 11:40 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A petroquímica Braskem disse que as atividades operacionais da unidade industrial no Polo Petroquímico no Grande ABC, em São Paulo, foram retomadas no último domingo, após um incêndio ter paralisado a produção em meados de outubro.

O incêndio atingiu a unidade industrial do Polo Petroquímico de Capuava, em Mauá, afetando uma das áreas de produção da unidade de petroquímicos básicos.

"A Braskem informa que as atividades de sua unidade de petroquímicos básicos no Grande ABC, foram retomadas. Com o reinício da operação, é esperado que o 'flare', sistema de segurança, seja acionado, ficando em alguns momentos mais intenso, o que não configura qualquer risco à população", disse em comunicado nesta quarta-feira.

A unidade tem capacidade de fabricar 700 mil toneladas por ano de produtos como eteno, benzeno, cumeno, propeno e resíduo aromático. Mais cedo neste mês, o presidente da petroquímica, Carlos Fadigas, havia afirmado que a companhia teve um prejuízo de 180 milhões com a parada.

O polo de Capuava é o mais antigo do país, onde a Braskem opera uma central petroquímica (cracker) e produz petroquímicos básicos, polietileno, polipropileno e especialidades químicas.

(Por Priscila Jordão)