Ações europeias fecham em alta por euro mais fraco e dividendos maiores

quarta-feira, 25 de novembro de 2015 16:53 BRST
 

Por Danilo Masoni e Alistair Smout

MILÃO/LONDRES (Reuters) - As ações europeias fecharam em alta nesta quarta-feira, ajudadas por um euro mais baixo e anúncios da Metro e da LafargeHolcim de que vão pagar mais dinheiro para os investidores por meio de dividendos.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne as principais ações do continente, fechou em alta de 1,43 por cento, a 1.502 pontos, após perder 1,6 por cento nas duas primeiras sessões da semana. O índice alemão, que tem forte peso de empresas exportadoras que se beneficia de um euro mais fraco, subiu 2,15 por cento.

O euro caiu para uma mínima de sete meses contra o dólar, antes de se recuperar nesta quarta-feira, após a Reuters informar que o Banco Central Europeu (BCE) está considerando opções políticas, como a compra de mais dívida.

O índice da Espanha IBEX da Espanha subiu apenas 0,2 por cento, com perdas entre seus bancos, em parte devido à sua exposição com a problemática empresa de energia espanhola Abengoa, que caiu 52 por cento após o início do processo de insolvência.

Já a varejista alemã Metro subiu 5,8 por cento, depois que elevou seu dividendo mais do que o esperado e disse que vai pagar mais de seus lucros a cada ano a partir de agora, citando os efeitos positivos da reestruturação.

A LafargeHolcim ganhou 4,3 por cento depois de propor uma distribuição de dividendos superior ao que sugeriu neste ano, apesar de seu lucro ficar abaixo das previsões.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,96 por cento, a 6.337 pontos.   Continuação...