26 de Novembro de 2015 / às 19:39 / 2 anos atrás

Bancos sustentam alta de 0,6% da Bovespa em sessão com giro fraco sem Wall St

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou com o seu principal índice em alta nesta quinta-feira, amparada na recuperação de ações de bancos, mas com liquidez reduzida por feriado nos Estados Unidos e com investidores ainda receosos com potenciais reflexos dos recentes desdobramentos da operação Lava Jato.

O Ibovespa subiu 0,6 por cento, a 47.145 pontos.

O giro financeiro totalizou 3,99 bilhões de reais, bem abaixo da média diária do ano de 6,8 bilhões de reais, em razão da ausência de Wall Street por causa do feriado do Dia de Ação de Graças.

As prisões do líder do governo no Senado, senador Delcídio do Amaral (PT-MS), e do banqueiro André Esteves, do BTG Pactual, no âmbito da operação que investiga esquema de corrupção envolvendo a Petrobras, derrubaram o Ibovespa na quarta-feira e ainda inspiravam preocupações.

Há preocupações de que as negociações do governo no Congresso Nacional, principalmente para a votação de medidas fiscais, sejam impactadas pela prisão do senador Delcídio, enquanto a prisão de Esteves alimentava alguma apreensão sobre efeitos no mercado local de crédito, além do impacto na própria instituição.

DESTAQUES

=ITAÚ UNIBANCO e BRADESCO avançaram 1,47 e 2,19 por cento, respectivamente, após caírem quase 5 por cento na véspera, dando suporte ao fechamento positivo do Ibovespa. BANCO DO BRASIL subiu 2,59 por cento.

=BTG PACTUAL, que não está no índice, contudo, recuou 2,87 por cento, apesar do anúncio de recompra de ações pelo banco e após cair mais de 20 por cento na véspera. O volume de papéis alugados do BTG aumentou em 1,5 milhão de units na quarta-feira.

=PETROBRAS também mostrou alguma recuperação, mas limitada pela queda dos preços do petróleo, e fechou em alta de 0,41 por cento nas ações ordinárias e de 0,25 por cento nas preferenciais, após o tombo da véspera, quando caíram mais de 7 por cento.

=VALE (VALE3.SA)(VALE5.SA) encerrou com as ações ordinárias em alta de 0,92 por cento e as preferenciais de classe A subindo 0,51 por cento, diante da trégua na queda dos preços do minério de ferro na China. A mineradora está entre as empresas que deixaram de fazer parte da carteira para 2016 do Índice de Sustentabilidade Empresarial da BM&FBovespa.

=KROTON EDUCACIONAL caiu 8,57 por cento, o maior recuou ddo Ibovespa, com notícia do jornal Valor Econômico de que Ministério da Educação vai pagar às instituições de ensino apenas 60 por cento do saldo dos títulos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) de novembro, ante os 80 por cento do montante devido pago em outubro. ESTÁCIO PARTICIPAÇÕES perdeu 8,38 por cento.

=JBS perdeu 1,89 por cento, após o Tribunal de Contas da União (TCU) identificar indícios de irregularidades na relação entre a empresa de alimentos e o BNDES, determinando aprofundamento de investigações. À Reuters, a JBS disse que “toda a relação com o BNDES foi feita de forma clara e transparente”.

=GOL cedeu 1,14 por cento, após divulgar que a demanda por voos domésticos da empresa caiu a um ritmo maior que o corte de oferta promovido pela empresa no período, em meio a retração da economia, que atingiu também o segmento internacional.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below