Confiança econômica da zona do euro fica estável em novembro, expectativas de inflação saltam

sexta-feira, 27 de novembro de 2015 09:04 BRST
 

BRUXELAS (Reuters) - A confiança econômica da zona do euro ficou estável em novembro, com a melhora da confiança entre os consumidores compensada pela moral mais baixa entre as indústrias, mas as expectativas de inflação saltaram em ambos os setores, mostraram dados da Comissão Europeia nesta sexta-feira.

A Comissão, entretanto, alertou que a maioria dos dados da pesquisa foi coletada antes dos ataques de 13 de novembro em Paris.

A confiança econômica geral permaneceu estável a 106,1 este mês contra os dados revisados para cima de outubro, cuja divulgação anterior era de 105,9. Pesquisa da Reuters projetava a confiança econômica da zona do euro em 105,9 pontos em novembro.

O indicador de clima dos negócios da Comissão, que aponta para a fase do ciclo empresarial, caiu mais do que o esperado a 0,36 em novembro de 0,44 em outubro. Previsões apontavam aumento para 0,45.

As expectativas de inflação entre os consumidores para os 12 meses à frente saltaram para 3,7 em novembro de 0,5 em outubro, em linha com as expectativas do setor manufatureiro.

Mas no setor de serviços, que forma a maior parte da economia da zona do euro, as expectativas de inflação caíram para 4,1 contra 4,8 em outubro.