Construtoras seguem varejo e promovem Black Friday para levantar caixa no fim do ano

sexta-feira, 27 de novembro de 2015 11:39 BRST
 

Por Juliana Schincariol

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O setor imobiliário aproveita a onda de prometidos descontos da Black Friday no varejo brasileiro e realiza a última das muitas ações promocionais de um ano marcado por tentativas de desova mais significativa de estoques de imóveis prontos.

Em sua quinta edição no Brasil, a Black Friday ainda não teve uma ação promocional tão forte na área imobiliária quanto a que ocorre nesta sexta-feira, com a adesão de várias empresas.

O portal imobiliário VivaReal iniciou a promoção no início do mês com participação de cerca de 30 incorporadoras, o dobro do ano passado. As ofertas e os descontos também são maiores do que um ano atrás, garante o site.

A expectativa do VivaReal é que sejam gerados "milhares de contratos", a exemplo do ano passado, disse o vice-presidente-executivo do portal, Lucas Vargas. Até agora, o número de pessoas interessadas é quatro vezes superior para o mês de novembro, mas segundo ele ainda não há dados fechados sobre vendas. Entre as empresas que participam da ação estão Tecnisa, Gafisa, Even, Rossi e PDG.

Separadamente, as construtoras e incorporadoras também realizam suas próprias promoções, caso da PDG, que promete descontos que podem chegar a 600 mil reais nas praças de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Bahia, Pará e Amazonas. A companhia sofreu queda de 50 por cento na receita líquida do terceiro trimestre e não planeja lançamentos de imóveis no curto ou médio prazos.

Além dos descontos, as empresas intensificam para a data os "mimos" numa tentativa de atrair clientes, impactados pela retração da economia, aumento de juros e inflação e restrição na concessão de crédito.

No caso da construtora Avanço Aliados, do Rio de Janeiro, o objetivo é atingir 100 por cento da venda de empreendimentos já prontos localizados na zona oeste da cidade. Além de descontos, a empresa oferece pagamento de taxas de cartório e condomínio e garante entregar o imóvel 90 por cento mobiliado, disse o diretor da empresa, Sanderson Fernandes.

"O momento em que estamos passando, estamos com estoques. Acredito que vamos ter caixa no final desta ação", disse Fernandes se referindo à Black Friday.   Continuação...