Confiança da indústria volta a cair em novembro após 2 meses de alta, diz FGV

segunda-feira, 30 de novembro de 2015 08:38 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice de Confiança da Indústria (ICI) voltou a cair em novembro após dois meses de alta, com piora das expectativas, informou a Fundação Getúlio Vargas (FGV) nesta segunda-feira.

O ICI recuou 1,4 ponto sobre o mês anterior e chegou a 74,8 pontos.

"Nos últimos meses houve melhora, ainda que discreta, em alguns aspectos dos negócios, como a percepção sobre a demanda externa e sobre o nível de estoques. Mas o setor dificilmente observará uma melhora contínua, como poderiam sugerir as altas do ICI em setembro e outubro, enquanto não ocorrer uma reação mais expressiva da demanda interna", afirmou o superintendente adjunto para ciclos econômicos da FGV/IBRE, Aloisio Campelo Jr.

O resultado se deveu à queda do Índice de Expectativas (IE) de 2,8 pontos, para 75,1 pontos. Já o Índice da Situação Atual (ISA) ficou estável em 74,8 pontos.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada, por sua vez, caiu 0,3 ponto percentual e chegou a 74,6 por cento em novembro sobre o mês anterior, atingindo a mínima histórica.

Em setembro, o setor automotivo abateu a produção de bens de consumo duráveis e a indústria registrou queda de 1,3 por cento em sobre agosto, o quarto resultado mensal negativo e o pior para o mês na série histórica do IBGE.

(Por Camila Moreira)