Abiove diz que maior competição para soja do Brasil virá da Argentina em 2016

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015 14:24 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - Exportadores de soja do Brasil avaliam que deverá haver um crescimento da competitividade do produto da Argentina no próximo ano, se confirmada a expectativa de uma redução de taxas que incidem sobre embarques da matéria-prima, conforme prometeu o novo governo recém-eleito no país vizinho.

"A competição maior é com os argentinos, porque é na mesma época (que a soja deles chega ao mercado). Vão acirrar essa disputa. Estamos preocupados", disse a jornalistas o presidente da Abiove, Carlo Lovatelli, lembrando que o governo eleito na Argentina prometeu reduzir em cinco pontos percentuais já no primeiro ano o imposto cobrado sobre as exportações de soja, atualmente em 35 por cento.

(Por Gustavo Bonato)