Yellen diz "estar esperando" pelo dia em que Fed elevará juros nos EUA

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015 16:05 BRST
 

WASHINGTON (Reuters) - A chair do Federal Reserve, Janet Yellen, afirmou nesta quarta-feira que "está esperando" pela alta de juros do banco central norte-americano, o que será visto como uma prova da recuperação da economia após passar por recessão.

Em declarações preparadas, Yellen não indicou se ainda espera que a alta dos juros seja justificável na última reunião do Fed no ano, em 15 e 16 de dezembro.

Ela afirmou que o crescimento do emprego até outubro indica um mercado de trabalho em recuperação mas não ainda com força total. Ela também reafirmou sua visão de que o peso do exterior sobre o crescimento econômico dos Estados Unidos e a inflação começará a moderar no próximo ano.

Ela já vê que os riscos do exterior se dissiparam desde o verão (no hemisfério Norte), e destacou que os gastos do consumidor são "particularmente sólidos" e que sua perspectiva continuava positiva.

"Quando o Comitê começar a normalizar a postura de política, fazer isso será uma prova... de onde nossa economia chegou", disse ela, referindo-se ao Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc). "Nesse sentido, é um dia que eu espero que todos estejamos aguardando".

Como em discursos e aparições públicas anteriores, Yellen disse que o momento da primeira alta de juros em quase uma década não é tão importante quando a trajetória subsequente de altas, que segundo ela será gradual.

"Um aperto abrupto arrisca prejudicar os mercados financeiros e talvez até inadvertidamente levar a economia à recessão", disse ela.

(Reportagem de Jason Lange e Howard Schneider)

 
A chair do Federal Reserve, Janet Yellen, discursa na  Conferência sobre Transmissão e Implementação de Política Monetária no Período Pós-Crise do Federal Reserve em Washington.12/11/2015. REUTERS/Carlos Barria