Yellen apresenta visão otimista ao Congresso, a caminho de elevar juros

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015 14:20 BRST
 

WASHINGTON (Reuters) - A chair do Federal Reserve, Janet Yellen, abriu a audiência no comitê do Congresso sobre a economia dos Estados Unidos nesta quinta-feira com uma avaliação otimista sobre o país em um momento em que o Fed caminha para sua primeira elevação dos juros em uma década.

O pronunciamento preparado por Yellen ao Comitê Econômico do Congresso repetiu em grande parte o cenário apresentado por ela no dia anterior: o desemprego esta baixo, o crescimento continua com ritmo modesto e ela está confiante de que a inflação voltará à meta do Fed ao longo do tempo.

Ainda que não tenha feito menção à possibilidade de um aumento dos juros na próxima reunião do Fed, nos dias 15 e 16 de dezembro, ela disse que a perspectiva atual e o fluxo de dados desde a última reunião em outubro são "consistentes" com um aumento dos juros, segundo critérios definidos pelas autoridades do banco.

"Eu atualmente julgo que o crescimento econômico norte-americano provavelmente será suficiente no próximo ano ou no seguinte para resultar em nova melhora no mercado de trabalho", disse Yellen aos parlamentares.

"Os ganhos atuais no mercado de trabalho, assim como minha avaliação de que as expectativas de longo prazo para a inflação continuam razoavelmente bem ancoradas, serve para aumentar minha confiança no retorno da inflação aos 2 por cento".

O crescimento adequado para continuar possibilitando a criação de emprego e a confiança em um retorno da inflação são os pontos de referência definidos em seu comunicado de política para um aumento de juros inicial.

O primeiro aumento de juros do Fed, que deve ser de 0,25 ponto percentual, deve dar início a um ciclo lento de aperto monetário que ainda pode manter as taxas a níveis abaixo do normal, até mesmo por anos.