Dólar cai mais de 2% e vai abaixo de R$3,75, por expectativas com impeachment de Dilma

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015 17:04 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar marcou a maior queda diária em um mês nesta quinta-feira, voltando abaixo de 3,75 reais, com investidores recebendo bem a decisão de abertura do processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, mas ainda ponderando as implicações da medida para a economia brasileira.

O dólar recuou 2,26 por cento, a 3,7488 reais na venda, após atingir 3,7338 reais na mínima do dia. Foi a maior queda diária desde o dia 3 de novembro, quando a moeda norte-americana recuou 2,39 por cento.

(Por Bruno Federowski)