Governo cobra dívidas da Eletrobras para renovar concessões de distribuição

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015 10:35 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A estatal federal Eletrobras não poderá assinar contrato para prorrogar as concessões de suas distribuidoras de energia que atendem Amazonas e Piauí, atualmente inadimplentes no setor elétrico, se não quitar as dívidas, afirmou à Reuters o Ministério de Minas e Energia.

A Eletrobras, que foi convocada a assinar até o final de dezembro as renovações, disse que está em negociações com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e espera resolver as pendências financeiras até o final do mês. As concessões das empresas estão vencidas desde julho.

(Por Luciano Costa)