Airbus deve vencer corrida com Boeing após mil encomendas em 11 meses

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015 12:08 BRST
 

PARIS (Reuters) - As encomendas da Airbus superaram mil aeronaves entre janeiro e novembro, colocando a fabricante europeia a caminho de vencer a corrida anual de pedidos contra a Boeing, mas a rival norte-americana segue na frente em aviões entregues.

A principal unidade de fabricação de aviões do grupo Airbus disse nesta segunda-feira que vendeu 169 aeronaves em novembro, o que levará o total bruto de pedidos este ano para 1.079.

Ajustado aos cancelamentos e conversões de modelos, que foram de 12 em novembro, a Airbus teve 1.007 pedidos líquidos.

A Boeing teve 655 pedidos brutos no ano até 2 de dezembro, ou 568 pedidos líquidos após cancelamentos e conversões.

A Airbus teve 556 entregas de aeronaves nos primeiros 11 meses, incluindo 10 de seu mais novo jato, o A350, e 24 do maior avião de passageiros do mundo, o A380.

A Boeing, contudo, com 709 entregas no período, deve manter seu posto de maior fabricante de aeronaves do mundo em 2015.

(Por Brian Love, Tim Hepher)