Mineradoras pesam sobre ações europeias; Anglo American bate nova mínima

terça-feira, 8 de dezembro de 2015 16:25 BRST
 

Por Alistair Smout e Atul Prakash

LONDRES (Reuters) - As ações europeias fecharam em forte queda nesta terça-feira, com papéis de mineradoras em queda puxados pela Anglo American, que bateu novo recorde de baixa, levando o principal índice às mínimas em seis semanas.

O índice FTSEurofirst 300 das principais ações europeias fechou com declínio de 1,79 por cento, aos 1.437 pontos, menos patamar desde outubro, com o índice do setor de recursos básicos STOXX Europe 600 tombando 6,6 por cento, para o menor nível desde março de 2009.

As ações da Anglo American afundaram mais de 12 por cento após a mineradora anunciar medidas de reestruturação, incluindo planos para consolidar seis unidades de negócios em apenas três, vender mais ativos e suspender dividendos para o segundo semestre deste ano.

Já o papel da BHP Billiton caiu 5,5 por cento, depois que o rompimento de uma barragem de rejeitos no Brasil desencadeou uma ação civil buscando 20 bilhões de reais (ou 5,31 bilhões de dólares) em danos ambientais e de propriedade da mineradora Samarco e seus proprietários, a BHP e a Vale.

As mineradoras também sofreram com mais preocupações com a demanda na China, maior consumidora global de metais.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 1,42 por cento, a 6.135 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 1,95 por cento, a 10.673 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 1,57 por cento, a 4.681 pontos.   Continuação...