Dólar salta quase 2% ante real por China e Levy; na semana, subiu 3,61%

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015 17:04 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar fechou em alta de quase 2 por cento nesta sexta-feira, refletindo o ambiente de aversão a risco nos mercados externos devido a preocupações com a China e após notícias de que o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, teria ameaçado deixar o governo se a meta de superávit primário de 2016 for zerada pelo Congresso.

O dólar avançou 1,93 por cento, a 3,8738 reais na venda. Na semana, a moeda norte-americana acumulou alta de 3,61 por cento, a maior desde o início de setembro.

(Por Bruno Federowski)