Venda de aço plano por distribuidores do Brasil cai 24% em novembro

terça-feira, 15 de dezembro de 2015 10:38 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - As vendas de aço plano por distribuidores do Brasil recuaram 23,9 por cento em novembro ante mesmo mês de 2014, para 254,7 mil toneladas, segundo dados do Instituto Nacional dos Distribuidores de Aço (Inda) compilados pelo Credit Suisse. Na comparação com outubro, houve queda de 8,9 por cento.

Para dezembro, a expectativa é de queda mensal de 20 por cento nas vendas, conforme divulgado pela instituição a analistas do setor na véspera.

"As vendas diárias de 12,7 mil toneladas em novembro comparam-se 13,3 mil toneladas em outubro e representam o menor nível de vendas diárias para um mês de novembro desde 2008, ficando 24 por cento abaixo da média histórica, de 16,7 mil toneladas por dia", destaca o Credit Suisse relatório.

Ainda conforme a equipe do banco, se for considerada a projeção do Inda de queda de 20 por cento em dezembro ante novembro, os números do quarto trimestre devem mostrar queda de 3 por cento nas vendas na comparação trimestral.

"As expectativas ainda estão voltadas para quando (e se) o governo brasileiro vai anunciar medidas protecionistas através da implementação de tarifas de importação mais elevadas", notaram os analistas do Credit Suisse.

"Uma vez que as incertezas seguem, mantemos nossa visão de que tributos mais elevados teriam um impacto limitado em trazer alívio para o setor sem melhora nas condições do mercado (demanda) ou nova queda nos preços internacionais do aço", diz o Credit Suisse, ponderando que está restrito em CSN e Usiminas

(Por Paula Arend Laier)