Indústrias de soja dos EUA reduzem processamento em novembro, diz associação

terça-feira, 15 de dezembro de 2015 15:45 BRST
 

CHICAGO (Reuters) - Processadores de soja dos Estados Unidos desaceleraram surpreendentemente o ritmo de processamento durante novembro, apesar da colheita recorde no Meio-Oeste do país, disse a Associação Nacional dos Processadores de Oleaginosas dos EUA (Nopa, na sigla em inglês) nesta terça-feira.

A Nopa disse que seus membros processaram 156,134 milhões de bushels de soja em novembro, uma queda ante 158,895 milhões de bushels em outubro. Foi o menor processamento para novembro desde 2011.

Em novembro de 2014, o processamento registrado pela Nopa chegou a 161,211 milhões de bushels.

Analistas esperavam um processamento em novembro de 161,663 milhões de bushels. As expectativas variaram entre 157,675 milhões e 165,4 milhões de bushels. A mediana foi de 162,55 milhões de bushels.

Negociantes no mercado físico reportaram desaceleração nas vendas de produtores em novembro, o que pode ter reduzido a quantidade de soja disponível para os processadores.

Além disso, a perspectiva de enfraquecimento da demanda por exportações de farelo de soja norte-americano fizeram com que os processadores dos EUA retrocedessem sua taxa de esmagamento.

(Por Mark Weinraub)