Créditos de biocombustíveis dos EUA estão próximos de meta de agência ambiental

terça-feira, 15 de dezembro de 2015 19:16 BRST
 

NOVA YORK (Reuters) - As companhias de combustíveis dos Estados Unidos estão a caminho de superar as metas do governo para o uso de etanol e outros combustíveis renováveis, mesmo com poucos créditos de conformidade produzidos em novembro, mostraram dados da Agência de Proteção Ambiental dos EUA nesta terça-feira.

Os créditos, conhecidos como Números de Identificação Renováveis (RIN's, na sigla em inglês), são gerados quando um galão de combustível renovável é produzido para o mercado norte-americano.

A produção de etanol ou de crédito de mistura de combustíveis renováveis nos EUA caiu 3 por cento no mês passado para 1,23 bilhão de créditos ante 1,27 bilhão em outubro, mostraram os dados, mesmo com um forte aumento da produção de etanol.

Mas nos 11 meses até novembro a produção dos créditos aumentou para 16,29 bilhões de galões, deixando os EUA a caminho de ultrapassar os requerimentos do governo norte-americano de 16,93 bilhões de galões.

As refinarias de petróleo e outras empresas de combustíveis podem misturar galões de combustíveis renováveis ou comprar RINs para atender determinações do governo para o uso de biocombustíveis.

A grande produção de RIN's coloca os EUA no ritmo para ultrapassar o recorde do ano passado de 17,2 bilhões de créditos.

(Por Josephine Mason e Chris Prentice)