Latam cancela 30% dos voos domésticos no Chile por greve

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015 19:35 BRST
 

SANTIAGO (Reuters) - A Latam Airlines cancelou 30 por cento dos voos domésticos no Chile nas próximas horas, como contingência contra uma greve de 48 horas dos funcionários aeroportuários que começa à meia-noite desta quarta-feira, disse um executivo da empresa.

A suspensão por Latam, a maior operadora de transporte aéreo no Chile, vai afetar cerca de 4 mil passageiros 51 voos que estavam previstos para quinta-feira.

A Latam, que inclui as operações da chilena LAN e da brasileira TAM, disse que para atenuar os efeitos da mobilização disponibilizou 12 voos adicionais nesta quarta-feira para passageiros que adiantaram viagens.

"30 por cento das operações de voo (amanhã) estão sendo cancelados agora. Os outros voos estão operando normalmente e esperamos que assim aconteça. Lamentamos essa situação", disse Nicolas Rodriguez, gerente de aeroportos da LAN.

Ele adicionou que os voos internacionais não foram suspensos para quinta-feira, no início do período de alta demanda devido aos feriados de fim de ano.

Empregados da Direção Geral da Aviação Civil (DGCA) decidiram parar as atividades após recusarem a última proposta do governo de subsídio estatal para aumentar seu seguro social.

Entre quinta e sexta-feira espera-se que mais de 100 mil passageiros usem os aeroportos do país e mais de 600 vôos podem ser afetados na época de pico.

(Reportagem de Antonio de la Jara)