Congresso aprova meta de superávit primário de 0,5% do PIB para 2016, sem abatimentos

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015 12:54 BRST
 

BRASÍLIA (Reuters) - O Congresso Nacional aprovou nesta quinta-feira a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2016, que estipula meta de superávit primário de 30,554 bilhões de reais, ou 0,5 por cento do Produto Interno Bruto (PIB), sem abatimentos para o setor público consolidado, abaixo do objetivo anterior de 0,7 por cento PIB.

Um dos principais objetivos do governo, ao reduzir a meta de primário, era preservar o orçamento do Bolsa Família e evitar mais embates políticos no Congresso Nacional, em meio ao processo de abertura de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff.

(Por Marcela Ayres)