André Esteves deixa penitenciária no Rio para cumprir prisão domiciliar

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015 22:21 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O banqueiro André Esteves, ex-controlador e ex-presidente do banco de investimentos BTG Pactual, deixou a penitenciária de Bangu 8, no Rio de Janeiro, nesta sexta-feira para cumprir prisão domiciliar, depois de o Supremo Tribunal Federal suspender a prisão preventiva.

Esteves foi preso em 25 de novembro sob suspeita de obstruir as investigações da Lava Jato sobre corrupção envolvendo estatais, como a Petrobras, órgãos públicos, empreiteiras e políticos.

O STF suspendeu a ordem de prisão preventiva alegando que não há evidências suficientes do envolvimento direto dele na obstrução das investigações, mas determinou que o banqueiro permaneça em casa e que não poderá manter contato com os demais suspeitos no caso.

(Reportagem de Jeb Blount)