Presidente da China Telecom está sob investigação, diz agência anticorrupção

domingo, 27 de dezembro de 2015 09:54 BRST
 

PEQUIM (Reuters) - O presidente da China Telecom Corp está sendo investigado por uma suposta violação disciplinar, informou a agência anticorrupção do Partido Comunista neste domingo.

O dirigente Chang Xiaobing é "suspeito de ter cometido uma séria violação de disciplina", declarou a Comissão Central de Inspeção de Disciplina em um comunicado em seu site, sem dar maiores detalhes.

Também neste domingo, organizações da mídia local relataram que Chang Xiaobing está desaparecido.

Os inquéritos de corrupção em curso solicitados pelo presidente chinês, Xi Jinping, já envolveram políticos de destaque, líderes de empresas estatais e grandes banqueiros. A agência regulatória do partido puniu mais de 70 autoridades de estatais.

Chang era presidente do grupo de telecomunicações China Unicom antes de assumir o cargo máximo da China Telecom.

(Por Winni Zhou e Norihiko Shirouzu)