Wall St fecha em queda por recuo do petróleo e da Apple

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015 20:31 BRST
 

(Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos fecharam em queda nesta quarta-feira, em meio ao recuo do petróleo Brent em direção às mínimas em 11 anos e com a queda das ações da Apple pressionando o S&P 500.

O índice Dow Jones fechou em queda de 0,66 por cento, a 17.603 pontos e o S&P 500 perdeu 0,72 por cento, a 2.063 pontos. O Nasdaq Composite caiu 0,82 por cento para 5.065 pontos.

No ano, o S&P 500 conseguiu registrar um ganho modesto de 0,2 por cento, enquanto a Nasdaq teve alta de cerca de 7 por cento. O Dow, no entanto, recuou 1,2 por cento em 2015.

O setor de energia da S&P teve o pior desempenho do dia dentre os 10 principais índices setoriais, com queda de 1,47 por cento, após estimativas de um inverno curto na América do Norte e Europa aumentarem a pressão sobre os preços do petróleo.

Ações da Exxon caíram 1,33 por cento, enquanto a Chevron perdeu 1,27 por cento.

A Apple exerceu a maior pressão de queda sobre o S&P 500 e o Nasdaq Composite, com recuo de 1,31 por cento. Temores de vendas potenciais moderadas de iPhones ajudaram as ações da Apple a acumularem perda de 9 por cento no mês.

Netflix e Amazon.com, as duas melhores performances do S&P 500 em 2015, caíram 2,02 por cento e 0,70 por cento, respectivamente.

A Nike, que teve o melhor desempenho do ano entre os componentes do Dow, caiu 1,57 por cento.

(Por Noel Randewich; reportagem adicional por Abhiram Nandakumar)