El Niño voltará a estado neutro no 2º trimestre, diz escritório australiano

terça-feira, 5 de janeiro de 2016 16:36 BRST
 

SYDNEY (Reuters) - O fenômeno climático El Niño de 2015/16, um dos três mais fortes dos últimos 50 anos, atingiu seu ápice nas últimas semanas e provavelmente retornará a um estado de neutralidade no segundo trimestre deste ano, disse o Escritório de Meteorologia da Austrália (BOM, na sigla em inglês) nesta terça-feira.

O fenômeno El Niño é ocasionado pelo aquecimento da superfície da água na porção leste do Oceano Pacífico e está associado a secas extremas, tempestades e inundações em diferentes partes do globo.

Períodos de neutralidade são marcados por temperaturas dos oceanos, padrões de chuva tropical e ventos atmosféricos próximos da média de longo prazo.

"Vários indicadores da Oscilação Sul do El Niño (ENSO) sugerem que o El Niño 2015/16 atingiu seu auge nas últimas semanas", disse o BOM em um comunicado.

"Modelos climáticos sugerem que o El Niño 2015/16 declinará durante os próximos meses, com o retorno a condições neutras provavelmente durante o segundo trimestre de 2016", afirmou a entidade.

(Por Matt Siegel)