Praet, do BCE, diz que política monetária vai durar até março de 2017, possivelmente além

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016 08:29 BRST
 

BRUXELAS (Reuters) - O Banco Central Europeu (BCE) vai reter as políticas expansionistas desenhadas para elevar a inflação até ao menos março de 2017, e além se necessário, disse o membro da Comissão Executiva do BCE Peter Praet em entrevista publicada à revista belga Knack publicada nesta quarta-feira.

O BCE afrouxou a política monetária ainda mais no mês passado para combater a inflação baixa, cortando a taxa de depósito ainda mais fundo no território negativo e estendendo as compras de ativos por mais seis meses até março.

"O BCE vai continuar com sua política monetária pelo tempo que for necessário. O que precisa mudar antes de ajustarmos a política? Simples, a inflação tem que se mover de maneira sustentada na direção de 2 por cento", disse Praet, que também é o economista-chefe do banco.

"Se olharmos para a situação econômica, creio que a política monetária atual certamente vai continuar até março de 2017, e mais tempo se for necessário."

(Reportagem por Philip Blenkinsop)