Diretor da Volkswagen está confiante em solução para escândalo nos EUA

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016 12:35 BRST
 

(Reuters) - O diretor da marca VW, principal vendedora da Volkswagen, Herbert Diess, disse na terça-feira que está confiante que a montadora alemã vai chegar a um acordo com reguladores norte-americanos para colocar quase 500 mil veículos a diesel em conformidade com as leis de emissões dos Estados Unidos.

"Estamos confiantes que vamos encontrar uma solução aceitável", disse Diess em uma coletiva de imprensa no Consumer Eletronics Show em Las Vegas.

Em entrevista à Reuters, Diess disse que consertar carros mais velhos da Volkswagen equipados com motores a diesel de 2,0 litros será mais difícil do que tornar os modelos mais recentes aderentes à lei.

"A mexida no carro será bem significativa", disse Diess sobre modelos mais antigos. Alguns reguladores e parlamentares norte-americanos têm dito que a Volkswagen pode ter que comprar de volta os modelos mais antigos. Diess não falou se a companhia está discutindo isso, mas disse que está otimista que um acordo com os reguladores seja alcançado em breve.

A tecnologia de diesel ainda terá um papel importante na futura estratégia de produto da Volkswagen, disse Diess. "O diesel ainda tem futuro em alguns segmentos", incluindo utilitários esporte.

"Em alguns mercados ele será uma necessidade", disse. A Europa ainda será o principal mercado de diesel na próxima década, completou.

(Reportagem por Joe White em Detroit)