Minério de ferro recua na China por preocupações com a demanda

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016 09:59 BRST
 

XANGAI (Reuters) - Os contratos futuros do minério de ferro na China caíram mais de 2 por cento nesta sexta-feira, para mínimas em mais de uma semana, com expectativas de que cortes na produção de siderúrgicas sejam intensificados neste ano, o que afeta a demanda pela matéria-prima do aço.

O contrato mais ativo na bolsa de Dalian atingiu uma mínima da sessão de 310,5 iuanes (47,13 dólares) por tonelada, o mais baixo valor desde 29 de dezembro, antes de fechar em queda de 2,7 por cento, a 311,5 iuanes/tonelada.

O minério de ferro caiu 3,4 por cento esta semana, a primeira queda semanal em quatro semanas.

A desaceleração persistente na economia chinesa está entre os fatores para a redução da atividade de siderúrgicas chinesas.

"A demanda chinesa por minério de ferro vai cair este ano, enquanto a oferta da Austrália e do Brasil permanece impressionante. Os estoques nos portos continuam subindo, à medida que as siderúrgicas não compram", disse um operador de minério de ferro em Pequim.

O minério de ferro para entrega imediata ao porto de Tianjin da China caiu pelo quarto dia consecutivo, para 41,50 dólares a tonelada na quinta-feira, de acordo com o The Steel Index (TSI).

(Por Ruby Lian e David Stanway)