Bovespa cai e tem pior desempenho semanal em mais de um ano

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016 18:55 BRST
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa fechou em queda nesta sexta-feira, renovando pontuação mínima desde 2009, em meio à volatilidade no ambiente financeiro externo, com destaque para o declínio dos preços do petróleo e preocupação com o crescimento global.

O Ibovespa caiu 0,2 por cento, a 40.612 pontos --menor patamar desde 20 de março de 2009.

O volume financeiro da sessão somou 4,6 bilhões de reais.

Dados considerados saudáveis do mercado de trabalho nos Estados Unidos fortaleceram o dólar globalmente, minando a recuperação do petróleo, o que contaminou os pregões em Wall Street.

A piora do petróleo anulou o tom positivo registrado pela manhã na Bovespa, quando chegou a subir 1,3 por cento, na máxima do dia, acompanhando a trajetória das praças globais diante da trégua experimentada pelas bolsas chinesas. O índice Xangai fechou em alta de quase 2 por cento.

As incertezas ainda atreladas ao rumo da economia na China, e em particular a atitude de Pequim em relação ao iuan, contudo, mantêm as preocupações sobre o ritmo daquela economia.

Para profissionais do mercado, uma reversão do pessimismo global de curto prazo exige sinais mais consistentes de estabilização da economia mundial ou arrefecimento de ruídos pontuais.

Na primeira semana de negócios do ano, dominada pelo noticiário chinês, o Ibovespa acumulou queda de 6,3 por cento, a maior perda semanal desde dezembro de 2014.   Continuação...