31 de Outubro de 2016 / às 09:07 / um ano atrás

Vendas no varejo da Alemanha registram em setembro maior queda em 2 anos

Pessoas vistas em shopping em Munique. 18/08/2016 REUTERS/Michaela Rehle/File Photo

BERLIM (Reuters) - As vendas no varejo da Alemanha tiveram a maior queda em dois anos em setembro, afetando as esperanças de que o consumo privado continuará a sustentar o crescimento na maior economia da Europa após a confiança do consumidor se deteriorar ligeiramente.

O indicador, normalmente sujeito a revisões, mostrou que as vendas no varejo caíram inesperadamente 1,4 por cento em setembro sobre o mês anterior em termos reais, informou a Agência Federal de Estatísticas nesta segunda-feira. A expectativa em pesquisa da Reuters era de alta de 0,2 por cento.

O detalhamento dos dados sugere que a queda se deveu principalmente a um setembro atipicamente quente, o que prejudicou as vendas de roupas e calçados de inverno.

Na comparação anual, as vendas varejistas avançaram 0,4 por cento em termos reais, contra projeção de aumento de 1,6 por cento.

Reportagem de Joseph Nasr

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below