Preços do petróleo recuam 3% com alta recorde em estoques nos EUA

quarta-feira, 2 de novembro de 2016 17:36 BRST
 

Por Barani Krishnan

NOVA YORK (Reuters) - Os contratos futuros do petróleo recuaram fortemente nesta quarta-feira, após uma alta semanal recorde nos estoques da commodity nos Estados Unidos alimentar preocupações entre investidores sobre excesso de oferta global, dias após analistas estimarem uma produção de petróleo mensal maior da Opep.

A Administração de Informação de Energia dos Estados Unidos (EIA, na sigla em inglês) disse que os estoques de petróleo subiram em 14,4 milhões de barris na semana até 28 de outubro, muito acima da expectativa de analistas de alta de 1 milhão de barris.

Foi a maior elevação semanal nos estoques de petróleo dos EUA, superando o recorde de 2012 e acima da alta de 9,3 milhões de barris divulgada pelo Instituto Americano de Petróleo (API, na sigla em inglês) na terça-feira.

"Isso é muito, muito, muito derrubador. Nada mais no relatório importa," disse James L. Williams, economista de energia em WTRG Economics em Londres, Arkansas.

O petróleo Brent encerrou em queda de 1,28 dólar, ou 2,7 por cento, a 46,86 dólares por barril, após recuar a 46,46 dólares, menor nível desde 28 de setembro.

O petróleo dos EUA caiu 1,33 dólar, ou 2,9 por cento, e encerrou a 45,34 dólares por barril. Na mínima, caiu abaixo de 45 dólares.