Exportação de carne de frango do Brasil recua 4,5% em outubro por problemas com Ásia

sexta-feira, 4 de novembro de 2016 16:37 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - As exportações de carne de frango do Brasil caíram 4,5 por cento em outubro na comparação com o mesmo mês de 2015, totalizando 314,7 mil toneladas, devido a alterações no ritmo de vendas para mercados da Ásia, disse nesta sexta-feira a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

"Em setembro, as exportações para o Japão chegaram a 47 mil toneladas, diante de uma média mensal de 32 mil toneladas registrada até então. O total de 22 mil toneladas embarcadas para o país em outubro mostra que houve um adiantamento de parte das vendas no mês anterior", disse em nota o vice-presidente de mercados da entidade, Ricardo Santin.

A ABPA disse ainda que houve recentemente a suspensão das exportações de produtos de cinco plantas para a China para ajustes documentais, o que impactou o saldo de outubro.

Além disso, em outubro o Brasil não exportou para a Venezuela, país impactado por forte crise econômica. No mesmo mês de 2015 os embarques para o país sul-americano haviam somado 10 mil toneladas.

As estatísticas da ABPA incluem carne de frango in natura, embutidos e outros processados.

Segundo a entidade, os embarques acumulam crescimento de 5 por cento entre janeiro e outubro na comparação com o mesmo período do ano passado, com total de 3,693 milhões de toneladas.

No saldo cambial, as exportações de outubro renderam 509,9 milhões de dólares, queda anual de 2,2 por cento. No acumulado de 10 meses, a retração é de 3,6 por cento, totalizando 5,748 bilhões de dólares.

(Por Gustavo Bonato)