Conselho da Minerva aprova compra de Frisa Frigorífico Rio Doce por R$ 205 milhões

segunda-feira, 7 de novembro de 2016 10:30 BRST
 

Por Gabriela Mello

SÃO PAULO (Reuters) - O conselho de administração da Minerva aprovou a compra do Frisa Frigorífico Rio Doce por cerca de 205 milhões de reais, segundo comunicado divulgado nesta segunda-feira. O valor será acrescido do capital de giro, que no final do ano passado era de 45 milhões.

O preço de aquisição será parcelado, com 50 por cento do montante pago na data de fechamento da operação e o restante em três parcelas anuais consecutivas, sendo uma de 10 por cento e as outras duas de 20 por cento cada.

A transação ainda está sujeita à aprovação pelo Conselho Administrativo de Defesa da Concorrência (Cade). Após concluída, a Minerva terá capacidade total de abate de cerca de 19 mil cabeças por dia em 9 Estados no Brasil e também no Uruguai, Paraguai e Colômbia, conforme o documento.

Com seis unidades frigoríficas no Brasil localizadas em Colatina (ES), Nanuque (MG), Teixeira de Freitas (BA) e Niterói (RJ), a Frisa exportou no ano passado 33 por cento do volume total negociado. A receita líquida em 2015 atingiu 942 milhões de reais, enquanto o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) foi de 43 milhões.

"A aquisição da Frisa constitui excelente oportunidade estratégica e representa mais um passo na consolidação do setor no Brasil e na América do Sul", informou a Minerva em comunicado ao mercado, lembrando que algumas unidades da empresa possuem certificação para exportar para China e Estados Unidos.

Às 10:28, as ações da Minerva subiam 0,11 por cento, enquanto o Ibovespa mostrava valorização de 2,12 por cento.

(Por Gabriela Mello)