Ibovespa sobe 4% com alívio em cenário eleitoral nos EUA

segunda-feira, 7 de novembro de 2016 18:41 BRST
 

Por Flavia Bohone

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou em alta expressiva nesta segunda-feira, em linha com o exterior mais favorável à tomada de risco após menor temor com o cenário eleitoral norte-americano, reduzindo fortemente o terreno perdido nos três primeiros pregões do mês

O Ibovespa subiu 3,98 por cento, a 64.051 pontos. Foi a maior alta diária desde 10 de maio (4,08 por cento), após o índice acumular perda de 5,1 por cento nos três primeiros pregões de novembro em meio à preocupação com o cenário eleitoral nos EUA, após ter subido 11,2 por cento em outubro.

O volume financeiro do pregão somou 7,2 bilhões de reais, abaixo da média diária para o mês até a sessão anterior, de 9,06 bilhões, mas levemente acima da média no ano, de 7,18 bilhões.

A diminuição de temores com a disputa pela presidência da maior economia do mundo veio após o FBI anunciar no fim de semana que não vai haver acusações contra a candidata democrata Hillary Clinton em investigação sobre seus emails.

Além disso, uma série de pesquisas mostrando Hillary à frente de Trump também ajudou a animar os investidores.

Em Wall Street, o S&P 500 caminhava para encerrar em alta após ter caído por nove sessões seguidas até sexta-feira, na maior sequência de quedas em mais de 35 anos.

DESTAQUES   Continuação...