Aumento de preços eleva lucro da Qualicorp no 3º tri, mesmo com queda da base

segunda-feira, 7 de novembro de 2016 20:04 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - Um forte reajuste de preços fez a administradora de planos de saúde Qualicorp QUAL3.SA fechar o terceiro trimestre com lucro maior, compensando o efeito da também elevada queda na base de beneficiários.

A companhia anunciou nesta segunda-feira que seu lucro líquido do período subiu 16,1 por cento ante mesma etapa de 2015, para 74,2 milhões de reais.

O resultado operacional da companhia medido pelo Ebitda (lucro antes de impostos, juros, depreciação e amortização, na sigla em inglês) somou 184,4 milhões de reais, alta de 9,7 por cento ano a ano. A margem Ebitda caiu 1,5 ponto. Na métrica ajustada, o Ebitda subiu 11,8 por cento, a 208 milhões de reais.

A empresa atribuiu essa melhora ao bom desempenho de custos e despesas comerciais, além da menor alíquota do ISS para três coligadas que mudaram para Barueri (SP).

De julho a setembro, a Qualicorp registrou 151,7 mil cancelamentos, aumento de 16,9 por cento ante mesmo período de 2015 e de 56,9 por cento sobre o segundo trimestre.

"O importante aumento observado é resultado da combinação da deterioração das condições macroeconômicas do país, com o fator sazonal do reajuste de preços", afirmou a Qualicorp no relatório de resultado. "No trimestre, repassamos um reajuste médio na ordem de 22,1 por cento para 86,3 por cento da carteira".

Além disso, as perdas da Qualicorp com os chamados créditos incobráveis no trimestre cresceram 37 por cento sobre o terceiro quarto de 2015, para 39,7 milhões de reais.

No fim de setembro, a dívida líquida da companhia, de 296,5 milhões de reais, era 28,8 por cento menor na comparação com o final de 2015, refletindo aumento dos valores em caixa.

(Por Aluísio Alves)