Dólar dispara 2% ante real com vitória de Trump

quarta-feira, 9 de novembro de 2016 09:29 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar disparava cerca de 2 por cento ante o real nesta quarta-feira com a surpreendente vitória do republicando Donald Trump à Casa Branca levando os investidores ao redor do globo a promoverem correção nos ativos com maior aversão risco.

Às 9:11, o dólar avançava 1,94 por cento, a 3,2290 reais na venda, enquanto o dólar futuro registrava ganho de 1,75%. Nos quatro pregões anteriores, o dólar havia acumulado queda de 2,28 por cento sobre o real com apostas de que Trump não sairia vitoriodo da eleição.

Trump surpreendeu o mundo derrotando a franca favorita Hillary Clinton na eleição presidencial dos Estados Unidos na terça-feira, encerrando oito anos de governo democrata e colocando o país em um caminho novo e incerto.

Rico empresário do setor imobiliário e ex-apresentador de reality show, Trump capitalizou uma onda de revolta contra Washington para vencer Hillary, candidata democrata, cujo currículo no establishment inclui as funções de primeira-dama, senadora e secretária de Estado dos EUA.

Com a onda de aversão ao risco, que elevou a busca por ativos considerados mais seguros, como ouro e iene, o dólar disparava ante divisas emergentes, destaque ao peso mexicano.

Por causa do nervosismo esperado para este pregão, o Banco Central cancelou o leilão de até 5 mil contratos de swap cambial reverso, equivalente à compra futura de dólares, que faria nesta manhã.

(Por Claudia Violante)

 
Notas de real e dólar vistas em casa de câmbio no Rio de Janeiro.     10/09/2015        REUTERS/Ricardo Moraes