BC atua forte e dólar sobe só 1%, depois de superar R$3,50 no intradia

sexta-feira, 11 de novembro de 2016 17:03 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar fechou com alta de cerca de 1 por cento nesta sexta-feira, terceiro pregão seguido de valorização, mas longe das máximas do dia após forte atuação do Banco Central no mercado do câmbio diante do nervosismo que abalou os investidores diante da nova cena política nos Estados Unidos com a eleição de Donald Trump como presidente da maior economia do mundo.

O dólar avançou 0,92 por cento, a 3,3923 reais na venda, maior patamar de fechamento desde 27 de junho (3,3946 reais), após bater 3,5088 reais na máxima do pregão, com alta de mais de 4 por cento. O dólar futuro avançava cerca de 0,6 por cento nesta tarde.

Na semana, a moeda norte-americana acumulou alta de 4,99 por cento e de 7,1 por cento nos três pregões.