TCU cobra plano de sustentabilidade financeira da Infraero

quarta-feira, 16 de novembro de 2016 18:37 BRST
 

BRASÍLIA (Reuters) - O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou que o governo e a Infraero apresentem em até 90 dias um plano de ação e de sustentabilidade econômico financeira da estatal aeroportuária.

Esse plano, segundo o tribunal, deve conter metas, benefícios gerados por cada medida, levantamento com a real necessidade de pessoal da Infraero, considerando o papel da empresa na concessões em que é sócia.

A Infraero tem 49 por cento da maior parte dos aeroportos já concedidos à iniciativa privada. O governo já anunciou que a estatal não participará das próximas concessões, como dos terminais de Salvador (BA), Fortaleza (CE), Florianópolis (SC) e Porto Alegre (RS).

(Reportagem de Leonardo Goy)