21 de Novembro de 2016 / às 10:47 / em 10 meses

Premiê britânica pede que empresas invistam em negócios inovadores

Primeira-ministra britânica, Theresa May, durante evento em Londres. 21/11/2016 REUTERS/Stefan Wermuth

LONDRES (Reuters) - A primeira-ministra britânica, Theresa May, pediu nesta segunda-feira às empresas que invistam em negócios inovadores como forma de estimular uma economia que enfrenta baixos níveis de produtividade e para realizar as mudanças exigidas pela decisão do povo britânico de deixar a União Europeia.

Em um discurso à CBI, uma importante organização empresarial no Reino Unido, May também acrescentou detalhes a seus planos para melhorar a governança corporativa. Ela disse que, embora queria que as vozes dos trabalhadores sejam ouvidas, as empresas não serão obrigadas a nomear diretamente trabalhadores ou representantes sindicais para seus conselhos.

“Uma melhor governança ajudará as empresas a tomarem melhores decisões, para seus próprios benefícios a longo prazo e para a economia em geral”, disse May aos líderes empresariais.

“Portanto, esta é uma tarefa importante, trabalharemos com vocês para alcançá-la, e sei que vocês vão enfrentar o desafio”.

Por William James e Kylie MacLellan

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below