Colheita de café ganha ritmo no Vietnã com tempo favorável

quinta-feira, 24 de novembro de 2016 11:27 BRST
 

HANÓI (Reuters) - A colheita de café no Vietnã, principal produtor do grão da variedade robusta, ganhou impulso devido ao clima favorável e a preços mais altos nesta temporada, disseram operadores nesta quinta-feira.

Exportadores no Vietnã estão mais focados no carregamento do que em procurar novos negócios, enquanto os preços domésticos caíram mais lentamente do que os preços globais na quarta-feira, disseram eles.

    O contrato janeiro do robusta futuro na ICE operava em leve queda, a 2.028 dólares/tonelada nesta quinta-feira, após cair 2,5 por cento na quarta-feira, enquanto os preços no Vietnã perderam cerca de 2 por cento, para 42,5-42,7 milhões de dong (1.875-1.884 dólares).

Um comerciante com uma empresa estrangeira na cidade de Ho Chi Minh afirmou que 25 a 30 por cento da safra já havia sido colhida, em comparação com cerca de 15 por cento no ano passado.

Metade da safra da importante província de Daklak já havia sido colhida, afirmou Trinh Duc Minh, chefe da associação Buon Ma Thuot Coffee à Reuters.

Preços mais altos nesta safra provocaram vendas mais rápidas, o que é refletido nos dados de exportação do Vietnã. O país enviou 50.600 toneladas (843 mil sacas de 60 kg) de café entre 1 e 15 de novembro, alta de 15,3 por cento do mesmo período do ano passado, de acordo com dados da alfândega.

A produção 2016/17 do Vietnã deverá cair 5 por cento ante a temporada anterior para 26,88 milhões de sacas, mas a safra poderia se recuperar para 28,77 milhões de sacas em 2017/2018, afirmou a BMI Research em relatório na quarta-feira.

(Por Ho Binh Minh)