Empresas aéreas propõem reajuste salarial de 6,5% a aeronautas e aeroviários

quinta-feira, 24 de novembro de 2016 20:09 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (Snea), que representa as empresas aéreas no país, anunciou nesta quinta-feira proposta de reajustes salariais e de benefícios a aeronautas e aeroviários.

De acordo com comunicado, aeroviários com salários de 10 mil reais e aeronautas receberiam aumento de 6,5 por cento. Já os aeroviários que têm salários superiores a 10 mil reais receberiam 650 reais de reajuste. Os benefícios de ambos, como vale alimentação, seriam reajustados em 8 por cento.

A proposta de aumento apresenta valores abaixo da inflação acumulada nos últimos 12 meses até outubro, de 7,87 por cento medida pelo IPCA.

Representantes da Federação Nacional dos Trabalhadores em Aviação Civil (Fentac) e Federação Nacional de Trabalhadores em Empresas de Transporte Aéreo (Fntta) não foram encontrados para comentários.

A data-base da negociação com as categorias de aeroviários e aeronautas é 1º de dezembro, informou o Snea.

(Por Natália Scalzaretto)