Jucá espera entre 62 e 65 votos favoráveis à PEC dos gastos em 1º turno no Senado

segunda-feira, 28 de novembro de 2016 17:56 BRST
 

BRASÍLIA (Reuters) - O líder do governo no Congresso, senador Romero Jucá (PMDB-RR), disse nesta segunda-feira que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que cria um limite para o crescimento dos gastos públicos deverá ter entre 62 e 65 votos favoráveis no plenário do Senado na votação da matéria em primeiro turno.

Em entrevista a jornalistas no Palácio do Planalto, Jucá confirmou que a PEC será votada em primeiro turno na terça-feira e que há clima favorável para apreciar a proposta. Ele garantiu que o Senado não foi abalado pela saída de Geddel Vieira Lima da Secretaria de Governo, responsável pela articulação política.

Para ser aprovada, a PEC precisa dos votos favoráveis de 49 senadores.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)