Bolsas europeias sobem impulsionadas por acordo da Opep

quarta-feira, 30 de novembro de 2016 16:32 BRST
 

MILÃO/LONDRES (Reuters) - As ações europeias atingiram o patamar máximo de três semanas na quarta-feira, encerrando o mês de novembro em território positivo, com as ações de energia avançado por causa dos preços do petróleo subindo depois de um acordo para conter o excesso de oferta global.

O índice europeu de petróleo e gás subiu 3,4 por cento, o melhor dia desde o final de setembro, depois que os preços do petróleo subiram mais de 8 por cento com a informação de que alguns dos maiores produtores de petróleo do mundo concordaram em reduzir a produção de petróleo pela primeira vez desde 2008 numa tentativa de dar suporte aos preços.

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) concordou em reduzir a produção para 32,5 milhões de barris por dia, disse o ministro do Petróleo do Kuwait.

As empresas de energia ajudaram o pan-europeu STOXX 600 a subir 0,3 por cento. O índice das principais ações europeias FTSEurofirst 300 fechou em alta de 0,53 por cento.

No entanto, as ações do banco britânico RBS caíram 1,4 por cento depois de a instituição ter falhado no teste de estresse feito pelo Banco da Inglaterra com sete credores britânicos e informar que aumentaria seus limites de capital.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,17 por cento, a 6.783 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,19 por cento, a 10.640 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,59 por cento, a 4.578 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 2,23 por cento, a 16.930 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,24 por cento, a 8.688 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,90 por cento, a 4.454 pontos.