Presidente da Oi vai se reunir com credores na próxima semana

terça-feira, 6 de dezembro de 2016 19:46 BRST
 

Por Guillermo Parra-Bernal

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente-executivo da Oi, Marco Schroeder, disse nesta terça-feira que planeja se reunir com grandes grupos de credores e potenciais interessados na companhia na próxima semana, numa tentativa de acelerar os esforços para ajudar a operadora a emergir da recuperação judicial.

Em entrevista à Reuters, Schroeder disse que os principais acionistas e diretores da Oi estão "mais abertos" a abrir mão de proposta de restrição de três anos a credores que trocarem parte de dívida por ações, que a Oi incluiu num plano de reorganização em setembro. A operadora poderia discutir os termos de uma troca direta da dívida por ações em reuniões da próxima semana, disse.

A Reuters informou em 2 de dezembro que a Oi estava pensando em abrir mão da restrição para a troca, o que desagradou os credores e retardou a reestruturação judicial da empresa.

"Estamos ouvindo as sugestões deles porque é através de negociações que vamos encontrar o melhor para a empresa, para os clientes, credores e acionistas", disse ele.

A recuperação judicial da Oi envolvendo 65,4 bilhões de reais em dívidas complicou em setembro com a proposta de reorganização, que credores alegaram favorecer, às suas custas, os acionistas.

O governo ameaçou intervir se a disputa persistir.

O plano de Schroeder para tirar a Oi da recuperação judicial ganhou impulso após uma comissão de Senado aprovar nesta terça-feira mudanças na regulamentação das operadoras de telefonia fixa. O projeto de lei será sancionado pelo presidente Michel Temer, a menos que haja um pedido para votação no plenário em cinco dias úteis.

"Isso basicamente vai ajudar o setor destravar investimentos e ajudar as operadoras a lucrar com parte de sua base de ativos fixos", disse Schroeder.   Continuação...